A Secretaria Extraordinária para Assuntos Estratégicos do Estado (Seae) instalou nesta terça-feira (08) a Câmara Temática (CT) de Sustentabilidade do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (Codes), órgão vinculado à pasta. Composta por 17 dos 45 membros do conselho, a CT terá como objetivo debater e delinear propostas e projetos, a partir dos assuntos prioritários elencados durante a reunião de instalação, que serão finalizados no conjunto do Codes.

“Os membros da Câmara Temática partilharão sugestões sobre os temas elencados, sendo que algumas delas já têm ideias plasmadas em documentos por alguns setores, que, depois de compiladas e ‘amadurecidas’ no âmbito da Câmara, serão debatidas junto às outras Câmaras Temáticas para, então, serem analisadas pelo pleno do Conselho e encaminhadas ao Governador”, explicou Edvaldo Brito, titular da Seae.

Após a discussão com críticas, sugestões e cobranças, os integrantes da CT de Sustentabilidade do Codes definiram como temas prioritários assuntos como Semiárido, Mobilidade Urbana, Desburocratização do Estado, Tributação e Logística. “Vamos debater todas as propostas e promover o debate para formular proposições que não são apenas para esse governo, mas para os governos vindouros. Afinal, são propostas para o Estado e não para um governo específico”, afirmou Brito. Nesta quarta-feira (09) será instalada a CT de Equidade Social e na quinta-feira (10) será a vez da CT da Juventude.

Participaram da reunião de instalação da Câmara Temática de Sustentabilidade nesta terça-feira os conselheiros Antoine Tawil (Câmara de Dirigentes Lojistas - CDL), Antônio Walter Pinheiro (Associação Baiana de Imprensa - ABI), Emo Rui de Miranda (representante dos produtores de cacau), João Martins (Federação da Agricultura e Pecuária do Estado - Faeb), José Francisco Viveiros (Bahia Mineração - Bamin), Júlio César Busato (Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia - Aiba), Luciano Muricy Fontes (Associação de Dirigentes do Mercado Imobiliário da Bahia - Ademi-BA), Luiz Henrique do Amaral (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes da Bahia - Abrasel-BA), Marcos de Meirelles Fonseca (Associação Comercial da Bahia - ACB), Renato Simões (Conselho Administrativo do Grupo A Tarde) e Vicente Mattos (Sindicato da Indústria da Construção do Estado da Bahia - Sinduscon-BA).

Também fazem parte da CT de Sustentabilidade do Codes e justificaram as suas ausências na reunião Ana Ferraz Coelho, diretora da Tv Aratu, Ana Georgina Dias, supervisora do Dieese na Bahia, Carlos Gilberto Farias, presidente da Federação das Indústrias da Bahia (Fieb), Gabriel Kraychete, professor e pesquisador da Universidade Católica do Salvador (UcSal), José Luciano Penido, presidente do Conselho de Administração da Fibria, e Marcelo Odebrecht, diretor-presidente das Organizações Odebrecht.

Fonte: CODES/SEAE