Lançado pela Prefeitura, Corujão Salvador vai funcionar com 15 linhas que abrangerão todos os pontos da cidade


Depois do Domingo é Meia, Bilhete Único e reestruturação do transporte público com a licitação do setor, que possibilitou a renovação da frota e a fiscalização e acompanhamento das linhas através do Centro de Controle de Operações, mais uma iniciativa para melhorar a vida dos usuários de ônibus de Salvador foi lançada pela Prefeitura nesta sexta-feira (10/7).

O Corujão Salvador vai possibilitar o funcionamento 24 horas de 15 linhas de ônibus, que atenderão a todas as regiões da cidade, e já entra em operação a partir da zero hora deste sábado (11/7).

O decreto que autoriza o início imediato da operação foi assinado no Palácio Thomé de Souza pelo prefeito ACM Neto, acompanhado do secretário municipal de Mobilidade (Semob), Fábio Mota, representantes do sistema e do setor de serviços da cidade, autoridades e imprensa.

O prefeito ACM Neto destacou a importância da colaboração das empresas concessionárias de ônibus para a realização da ação, além de relembrar as ações realizadas pela Prefeitura desde 2013 no sentido de melhorar o serviço de transporte para a população.

Ele salientou também que a medida atende a uma demanda reprimida de cerca de 60 mil cidadãos que dependem deste serviço, a exemplo de turistas, trabalhadores do setor de serviços e público que aproveita a vida noturna da cidade.

Sobre a questão da segurança para os usuários, o prefeito informou que foi feito o aviso antecipadamente à Secretaria de Segurança Pública (SSP) sobre a ação e que os veículos contam com câmeras de segurança e monitoramento, o que reforça a ação.

“Além disso, o Corujão Salvador também vai contribuir indiretamente para o incremento da economia dos setores turístico e de serviços, que compõem basicamente a economia da cidade. Com isso, incluindo medidas que anunciamos recentemente, a exemplo do Salvador Negócios, estamos remando na contramão da crise econômica que assola o país, no sentido de tornar Salvador uma cidade mais atrativa para as pessoas e para a geração de negócios”, complementou ACM Neto.

O presidente executivo da Abrasel Bahia, Luiz Henrique do Amaral, exemplificou a importância dos ônibus 24 horas. “Pelo aspecto social era desumano ver pessoas sem poder voltar pra casa de madrugada, pernoitando nos pontos de ônibus ou aguardando o horário do retorno da operação do serviço. Esse é um momento de celebração do atendimento de um pleito nosso e nos colocamos à disposição para o aprofundamento de parcerias com o poder público”.

Para o presidente da Federação Baiana de Hospedagem e Alimentação (Febha), Sílvio Pessoa, essa é uma solicitação de mais de 30 anos do trade turístico. “É um projeto vanguardista e que vai beneficiar mais de 400 hoteis e pousadas em Salvador, estimulando a economia da cidade”, afirmou.

Inovação e desenvolvimento – O secretário Fábio Mota revelou que Salvador é uma das poucas cidades do Brasil que realizaram processo de licitação do transporte público, além de contar com frota monitorada e que pode ser acompanhada pelo cidadão. “O usuário pode se planejar para pegar o ônibus através do aplicativo, que é um elemento diferencial do Corujão Salvador. O projeto foi pensado e estudado pela Semob e todas as linhas estão interligadas, após estudos de demanda e sobe e desce".

O secretário complementou também que a operação estará em caráter experimental em até 60 dias e poderá ser ampliada ou ajustada, de acordo com a demanda.

A representante das empresas concessionárias do transporte por ônibus da capital baiana, Ângela Levita, ressaltou que a iniciativa da Prefeitura é arrojada e que as empresas estarão empenhadas para a realização da empreitada.

“Estamos iniciando uma nova fase na operação do transporte em Salvador e é uma ação difícil, pois a cidade é muito peculiar. Mas temos uma visão bastante interessante do projeto, essa ação foi discutida pela Semob há quatro meses com a presença das concessionárias até chegar a esse modelo apresentado hoje. Elogiamos a iniciativa e vamos nos esforçar para o sucesso do empreendimento”, pontuou.

Funcionamento

Todas as linhas do Corujão Salvador vão rodar todos os dias, entre 0h e 4h, e partirão da Estação da Lapa para seguir itinerários específicos que garantam a assistência a todas as regiões.

Os intervalos das viagens acontecerão de 20 a 60 minutos e a Estação da Lapa foi escolhida para ser ponto de partida por ser localizada no Centro da cidade e por ter grande movimentação noturna.

O desenho das linhas foi estrategicamente pensado para atender os principais eixos, e a partida dos ônibus de uma estação foi projetada também para que os veículos não ficassem soltos pela cidade. Da mesma forma que já acontece na operação regular do transporte coletivo, o usuário poderá utilizar o Bilhete Único para a integração entre duas linhas, dentro do período de duas horas, o que amplia as possibilidades de deslocamento.

Fonte: Tribuna da Bahia