Associação Brasileira da Indústria de Hotéis da Bahia vai à Justiça contra a paridade tarifária


Hoteleiros de Salvador decidiram ampliar o bicote às agências de viagens e turismo online, conhecidas como OTAS (Online Travel Agencies). Em reunião na manhã desta quinta-feira, 25, filiados da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis da Bahia (ABIH-BA) votaram pela manutenção do bicote à Decolar.com, além de abrir uma nova frente de batalha.  A Bahia sai na frente e decide entrar com uma ação na Justiça contra a paridade tarifária.


A medida, que será defendida na próxima semana durante reunião da ABIH Nacional, pretende liberar os hotéis para repassar valores diferenciados de acordo com as taxas de comissionamento exigidas pelas OTAS.  O objetivo é evitar que as extorsivas comissões cobradas pelas agências online, que variam de 18% a 22%, prejudiquem ainda mais o setor hoteleiro, além de permitir que o cliente tenha opção de escolha de preços, evitando a cartelização. “Estamos no fundo do poço, precisamos reagir e enfrentar as OTAS, que estão cobrando polpuda comissão e nos levando a uma crise sem precedente”, frisa o presidente da ABIH-BA, Glicério Lemos.


O boicote à Decolar.com foi aprovada por unanimidade na reunião da ABIH-BA realizada em 20 de julho último, após a agência de viagens e turismo online decidir, unilateralmente, aumentar a margem de comissionamento, que chega a 22%. Com a decisão, pelos menos 40 hotéis de médio e grande portes de Salvador deixaram de trabalhar com a Decolar.