Exibindo Consultora Gabriela Otto.jpg

Afirmação é da especialista em Revenue Management, a consultora Gabriela Otto, que esteve em Salvador a convite da ABIH-BA

Empresários da hotelaria precisam mudar a cultura e pensar de uma maneira mais rentável, tomar decisões mais racionais e profissionalizar a gestão. A afirmação é da consultora Gabriela Otto, considerada uma das maiores especialistas em Revenue Management para a hotelaria. Técnica de gestão, utilizada para calcular a melhor política de preços, para rentabilizar o negócio, o Revenue Management tem sido utilizada cada vez mais entre os hoteleiros do Brasil, mas ainda é pouco aplicada nos hotéis independentes, que não pertencem a grandes redes, e que representam mais de 80% do mercado.

A convite da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis da Bahia (ABIH-BA), Gabriela Otto esteve em Salvador, nos dias 24 e 25 de novembro, para proferir o curso Revenue Management & Distribuição. Durante o evento, a especialista destacou as estratégias para a precificação das diárias, caminhos para comercialização e como aplicar as regras no mercado. “Precisamos entender o custo de aquisição do cliente (hóspede), que varia dependendo por onde ele chega”, frisou Otto, referindo-se aos players do mercado. “Para se  manter lucrativo, você precisa entender esse novo ambiente de negócios, e criar estratégias consistentes. E mesmo com uma economia instável, é possível minimizar perdas e rentabilizar seu hotel”, destacou a consultora.

Para o presidente da ABIH-BA, Glicério Lemos, o Revenue Management é uma técnica fundamental para a sobrevivência do negócio. “Uma das metas desta gestão é que mais e mais hotéis no Estado façam uso do Revenue Management. Só assim saberemos rentabilizaremos nosso negócio e comercializar melhor nossos hotéis”, diz Lemos, que já planeja novas edições do curso para o primeiro trimestre de 2017, desta vez direcionado exclusivamente ao gestor do hotel.

Quem participou do curso, aprovou a iniciativa. “Em 2014 fiz este curso, também pela ABIH-BA, e agora vim me atualizar, pois Gabriela Otto é referencia no assunto”, afirmou o gerente de vendas do Hotel Portobello, Marcelo Miranda, que participou do evento realizado no Sheraton da Bahia. Já para a diretora do Bahia do Sol, Daniela Seabra, o curso ajuda a focar nas vendas diretas, reduzindo a participação dos intermediários, que chegam a cobrar até 35% de comissionamento. “Para quem trabalha com vendas, o curso dá a base para uma negociação mais assertiva”, frisou a gerente de vendas da Accor em Salvador, Fernanda Negrão.